Inteligência Artificial,  ultimas

A Verdade sobre a Inteligência Artificial (IA) nas Empresas – Muito Barulho por Nada?

A Inteligência Artificial tem se mostrado um tema recorrente no discurso corporativo, mas será que os fatos corroboram a retórica? Este artigo desvendará a realidade por trás das palavras.

1. A Febre da IA nas Corporações

A inteligência artificial(https://capitalaberto.com.br/secoes/reportagens/ferramentas-de-inteligencia-artificial-atraem-asset-managers/) tem sido um assunto quente no mundo corporativo. Muitos executivos estão ansiosos para destacar como suas empresas serão transformadas por esta tecnologia revolucionária. Contudo, uma análise mais aprofundada sugere que grande parte deste entusiasmo pode ser apenas conversa fiada.

Caso queira se aprofundar mais sobre o assunto, a Capital Aberto oferece um curso online sobre inteligência artificial para gestores(https://capitalaberto.com.br/encontros/inteligencia-artificial-para-gestores/).

2. A Diferença entre Discurso e Prática

Dados da Alphasense revelam que quase 40% das empresas do índice S&P 500 mencionaram a IA durante conferências financeiras no último trimestre. No entanto, apenas 16% dessas empresas realmente abordaram a tecnologia em seus documentos oficiais, evidenciando como a IA poderia impactar significativamente seus negócios.

‘Há uma piada circulando que basta uma empresa mencionar ‘IA’ para que suas ações disparem’, comenta Bryant VanCronkhite da Allspring Global Investments. ‘Algumas empresas afirmam que estão implementando a IA quando, na verdade, estão apenas tentando entender o básico. Mas os impostores serão desmascarados eventualmente.’

3. Motivações por Trás do Frenesi da IA

A razão para este frenesi da IA é compreensível. Sete dos maiores grupos de tecnologia foram os principais responsáveis pelo crescimento do mercado de ações americano neste ano. A fabricante de chips Nvidia teve a maior contribuição, com ganhos de mais de 200%.

4. Impactos Reais da IA

Por outro lado, algumas empresas já estão sentindo os efeitos da IA em seus modelos de negócios. A startup de educação Chegg, por exemplo, sofreu impactos com o crescimento dos chatbots de IA, como o ChatGPT(https://chat.openai.com/), que afetou suas vendas.

5. A Necessidade de Discernimento dos Investidores

Diante deste cenário, os investidores precisam discernir a verdade das falsas promessas e manter os pés no chão. ‘Acredito no alvoroço da IA? Sim. Acho que ela realmente irá transformar nosso mundo. Mas acredito que isso acontecerá da noite para o dia? De jeito nenhum’, pondera Rob Arnott, presidente da Research Affiliates.

6. Leitura Complementar

Para mais informações sobre a IA e seu impacto nos negócios, confira os seguintes artigos:

Pressão dos Assets para o uso ético da IA(https://capitalaberto.com.br/secoes/reportagens/assets-pressionam-empresas-de-tecnologia-para-uso-etico-da-ia/)
Testes com IA indicam uma nova relação entre clientes e gestores de ativos financeiros(https://capitalaberto.com.br/secoes/reportagens/testes-com-ia-apontam-para-uma-nova-relacao-entre-clientes-e-gestores-de-ativos-financeiros/)
Como a IA pode transformar os investimentos(https://capitalaberto.com.br/secoes/artigos/como-a-ia-podera-transformar-os-investimentos/)
Lançamento de certificação pelo CFA Institute para incentivar conhecimento em IA(https://capitalaberto.com.br/secoes/reportagens/cfa-institute-lanca-certificacao-para-estimular-conhecimento-em-inteligencia-artificial/)

7. Conclusão

Embora a IA seja um tópico popular e empolgante, é preciso cautela. As empresas devem demonstrar como estão efetivamente implementando e aproveitando a tecnologia em suas estratégias de negócios, e não apenas usá-la como um chamariz para atrair investidores.

8. O Futuro da IA nas Empresas

O potencial da IA é inegável, mas sua adoção deve ser considerada, pensada e implementada de maneira estratégica. Aqueles que conseguirem fazer isso colherão os benefícios, enquanto os impostores eventualmente serão revelados.

9. O Papel dos Investidores

Investidores, por outro lado, precisam ser críticos e cuidadosos ao avaliar as promessas das empresas sobre a IA. Investir em uma empresa apenas porque ela menciona a IA pode ser arriscado.

10. A Verdadeira Revolução da IA

A IA tem o potencial de ser uma verdadeira revolução, mas essa transformação não acontecerá da noite para o dia. Requer tempo, investimento e um entendimento profundo da tecnologia e de como ela pode ser aplicada efetivamente. As empresas que entenderem isso estarão à frente no jogo.

Para informações adicionais, acesse o site

Comentários desativados em A Verdade sobre a Inteligência Artificial (IA) nas Empresas – Muito Barulho por Nada?